Linkbão Oi Torpedo Click Jogos Online Rastreamento Correios Mundo Oi oitorpedo.com.br mundo oi torpedos mundo oi.com.br oi.com.br torpedo-online Tv Online torrent Resultado Dupla Sena Resultado Loteria Federal Resultado Loteca Resultado Lotofacil Resultado Lotogol Resultado Lotomania Resultado Mega-sena Resultado Quina Resultado Timemania baixa-facil Link-facil Resultado Loterias

quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Os melhores de 2009

Não poderia encerrar o ano de outra maneira, se não elegendo e relembrando os melhores filmes do ano que passou. Foram quase 200 filmes assistidos (repetido não conta) e o balanço foi bem satisfatório. Foi difícil deixar alguns títulos de fora, num ano em que houve mais surpresas do que decepções. Quem quiser ler as críticas dos filmes, é só clicar nos links respectivos. Aproveitem para palpitar e deixar seus favoritos de 2009 registrados nos comentários! Sem mais delongas, eis o meu TOP 20:



1) Avatar – não há como ignorar a grande estreia do ano. A contribuição que James Cameron deu ao cinema é inestimável. Uniu aventura, romance, guerra, ambientalismo e (claro!) tecnologia de ponta, para realizar esta maravilha. Se for para esperar mais doze anos por outra revolução vinda dele, espero feliz! Já vi, revi e quero ver mais algumas vezes.







2) A Partida (Okuribito) – que coisa linda este filme japonês. Ganhou o Oscar de melhor filme estrangeiro com todos os méritos. Bela lições de vida, um primor de fotografia e uma trilha sonora emocionante.  







 
    3) Distrito 9 (District 9) – filmaço de estreia de Neil Blomkamp, pupilo de Peter Jackson. Mistura de mockumentary com ficção e efeitos visuais incríveis, aliados a uma história com conteúdo (para quem quis entender o filme assim).  
    4) Há Tanto Tempo que Te Amo (Il Y a Longtemps que Je t'aime) – drama francês de roteiro forte. A melhor interpretação de Kristin Scott Thomas no cinema. Para assistir e repensar a vida por um bom tempo.   
    5) Bastardos Inglórios (Inglorious Basterds) – Tarantino é um sujeito bonachão. Faz o que quer, rouba conceitos discaradamente e os reinventa com a maior propriedade. Virar a história de ponta-cabeça do jeito que ele fez com este filme, não é para qualquer um. De quebra, ainda trouxe o melhor vilão de 2009, mérito de Christoph Waltz.    
    6) Arrasta-me para o Inferno (Drag Me to Hell) – volta triunfal de Sam Raimi ao gênero que o consagrou. O melhor terror do ano. Diversão de primeira, mas só para corajosos. Quem tem medo, beba leite e fique em casa, para não correr o risco de ficar noites sem dormir.
    7) Simonal – Ninguém Sabe o Duro que Dei – documentário espetacular e urgente sobre um dos maiores artistas que o país já teve e que injustamente caiu no ostracismo durante décadas. Nunca um documentário fez tanto por um artista (vide a quantidade de homenagens que Simonal recebeu no decorrer do ano). Parte obrigatória de qualquer coleção.   
    8) À Deriva – Heitor Dhalia provou (mais uma vez) que veio para ficar. Representou o Brasil em Cannes com esta preciosidade. Delicado e fotograficamente impecável.
    9) O Menino do Pijama Listrado (The Boy in the Stripped Pyjamas) – retrato impressionante da incompreensão humana. Um tapa de luva de pelica em quem pratica tanta maldade sem se colocar no lugar do próximo. Doloroso, mas necessário. 
    10) Anticristo (Antichrist) – vai ter gente querendo me crucificar por esta posição, mas não tem jeito. Eu acho Lars von Trier um dos grandes diretores da atualidade e não foi dessa vez que ele me decepcionou. Fez este terror-obra-de-arte brilhante, com um dos mergulhos mais intensos na depressão que o cinema já viu. Mesmo que, para isso, precisasse chocar. Atuação estupenda de Charlotte Gainsbourg e bela fotografia de Anthony Dod Mantle.   
    11) Tokyo! - uma das melhores obras surrealistas que já vi e com certeza, a melhor compilação de curtas. Deliciei-me assistindo às viagens criativas de Michel Gondry, Leon Carax e Bong Joon-Ho. 
    12) Star Trek – eu nem sou fã da série, mas JJ Abrams conseguiu fazer um reinício da saga impecável. Uma das apostas mais arriscadas do ano, mas que felizmente, deu muito certo.    
    13) Dúvida (Doubt) – filme que reuniu o melhor elenco de 2009. Excelente adaptação da peça teatral.   
    14) O Casamento de Rachel (Rachel Getting Married) – Jonnathan Demme (O Silêncio dos Inocentes) optou por fazer um filme de baixo orçamento, com muita câmera na mão e aspecto caseiro. Adentrou nas veias podres de uma família às vésperas do casamento de um dos seus membros. E ainda tinha Anne Hathaway, numa das melhore interpretações deste ano.    
    15) Quem Quer Ser um Milionário (Slumdog Millionaire) – mais um filme independente que se deu bem. Danny Boyle fez um filme dinâmico e “para cima”. Se mereceu os mais de 100 prêmios que ganhou mundo afora, não sei. Mas que vou querê-lo na minha coleção, não tenho dúvidas.   
    16) O Lutador (The Wrestler) – mais um grande filme de Darren Aronofsky, que ainda não soube o que é fazer filme ruim. Interpretação visceral de Mickey Rourke. Um final arrepiante.
    17) O Leitor (The Reader) – este filme não seria tão bom se não fosse pelo talento de Kate Winslet. Eu poderia jurar que ela era uma alemã nata. Uma história que mostra que não há limites para o amor.    
    18) Palavra (En)cantada – documentário sobre a língua portuguesa e a utilização poética que a música faz dela. Uma deleite para os olhos e ouvidos.    
    19) À Procura de Eric (Looking For Eric) – delírios hilários advindos da parceria do diretor Ken Loach com o roteirista Paul Laverty (roteiro mais original deste ano).  
    20) Deixe Ela Entrar (Let the Right One In) – excelente mistura de terror e drama, este filme sueco tem uma fotografia impecável e uma grande história de amor. Lindo.
     
        








Menções (muito) honrosas: Gran Torino; Vigaristas; Lóki – Arnaldo Baptista; Foi Apenas Um Sonho; (500) Dias com Ela; Garapa; e Se Beber, Não Case.


Os melhores filmes que poucos viram em 2009

Assisti muitos filmes excelentes este ano (em festivais e mostras), mas que ainda não estrearam nos cinemas brasileiros. Não posso deixar de citá-los, pois foram responsáveis por momentos marcantes na sala escura. Ficam as dicas para que vocês os assistam, em 2010:



1) Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo – se estivesse na lista oficial, o novo filme de Karim Aïnouz e Marcelo Gomes ocuparia a segunda posição. Nunca emocionei-me tanto com um filme experimental. Uma prova de amor ao cinema.



2) El Último Verano de la Boyita – a descoberta da sexualidade, mostrada com delicadeza e muito respeito.



3) O Homem que Engarrafava Nuvens – documentário sobre Humberto Teixeira, um dos pioneiros do baião. Teve sessão aplaudida de pé no FIC Brasília. Estreia em 15 de janeiro.



4) Hunger – excelente filme sobre um dos mais violentos motins contra os maus tratos, no presídio de Maze, na Irlanda do Norte, em 1981. 



5) La Nana – o melhor filme sobre a realação empregado-patrão que já vi. Já está indicado ao Globo de Ouro e tem chances de ganhar. Viva o México!



6) Mother – novo de Bong Joon-Ho (O Hospedeiro; Memórias de um Assassino). Imperdível.


7) Os Famosos e os Duendes da Morte – grande estreia de Esmir Filho (do vídeo-hit Tapa na Pantera), vencedor do Festival do Rio.


8) Dear Zachary – documentário independente sobre um sujeito que quis (re)construir a memória do amigo morto, para mostrar ao filho dele (o amigo), quando crescesse. Para assistir com uma caixa de lenços no colo e revoltar-se com a crueldade que uma pessoa pode ter.


9) À Procura de Elly – thriller iraniano de arrepiar. Uma aula de narrativa cinematográfica. Estreia já nesta sexta-feira, dia 01 de janeiro.



10) Tulpan – belíssimo filme do Cazaquistão, que infelizmente não chegou no Brasil até hoje (ele é de 2008). Quem sabe no ano que vem?


11) Filhos de João – documentário de baixíssimo orçamento sobre os Novos Baianos, cuja história é invejável. Uma filosofia de vida incrível, que deu certo por muitos anos. Fora a trilha sonora, com músicas memoráveis.


12) Parque Vía – filme mexicano independente, de ritmo lento e final arrebatador.



13) A Fita Branca – a fotografia deste filme é tão bonita, que em alguns momentos fica difícil prestar atenção na história (que também é muito boa). Fortíssimo concorrente ao Oscar estrangeiro em 2010.


É isso, pessoal! Que todos tenhamos um excelente 2010, cheio de filmes bons, muita paz e saúde!

Grande abraço!

20 comentários:

Amanda Aouad disse...

Caprichou na lista, heim? Boas listas, hehe. O Menino do Pijama Listrado é mesmo um lindo filme, tinha me esquecido dele. Só não concordo muito com Distrito 9.

beijos

Anna K. disse...

Sobre o Top 20: Fiquei feliz em ver A Partida na lista, adorei! Lembro que saí do cinema com um leve sorriso nos lábios e uma forte sensação no coração; Anticristo, a meu ver, nem é tanto uma questão de gostar ou não, mas de sentir. E nisso senhor Lars acertou o alvo. E que bela sequência de abertura; Só tiraria O Leitor. O filme é bom, mas a passividade de MIchael me aborreceu.
No mais, que venham as telas de 2010!

Fred Burle disse...

Amanda, era de se esperar que você gostasse da lista, afinal, concordamos em muita coisa no decorrer do ano! rsrs Mas algum filme não agradaria a ambos e parece que foi Distrito 9. Que tal fazer um adendo no seu post, acrescentando O Menino do Pijama Listrado!? =)

Anna, tem filmes que deixam de agradar pelo simples fato de algo (ou alguém) nele nos irritar. O Michael, em O Leitor, não me irritou, porque entendi a personalidade dele (mais covarde do que deveria). Mas eu achei um grande filme. Que bom que você entendeu a proposta de Anticristo! São poucos os que conseguem entrar no espírito. Viva von Trier!

Beijos para as duas!

I Win You Fail disse...

ou fredi, Distrito 9 merece o segundo lugar vai, avatar ning passa, mas quem jogo o Halo 1 pelo menos amo o filme, ele tava no top da minha kbeça ate sair avatar, mas mesmo sem jogar ele conseguiu o terceiro lugar! LoL
flw...

leco disse...

Adorei ver star trek na lista!! sou fanzão e curti muito o filme!
flw

Fred Burle disse...

Mas é claro que Star Trek não podia faltar, Leco! É uma das melhores (re)construções do cinema!
E tenho o cartaz tb! rsrs
Depois que usá-lo por um tempo, te darei.
Abraço!

louisgustave disse...

Muito boa a lista, concordo com a maioria, mas também não vi todos os filmes.
Só uma coisa, La Nana, está concorrendo como filme chileno.
Então seria Viva o Chile! rs

Bruno disse...

Depois de ver "Arraste-me para o inferno" na sua lista perdi toda vontade de ler o resto, o filme é uma merda. Não tem palavra melhor, "merda". Historia nada nova, cenas exageradas, o que foi aquilo da bigorna?!
Se você ficou com medo disso, meu deus!
Mas foi um dos filmes mais engraçados do ano, ri demais no cinema ;]

Bruno disse...

Ok ok. O resto da lista esta muito boa ;]

Fred Burle disse...

Louis Gustave, La Nana é uma coprodução Chile/México, por isso me confundi. Confirmei agora e você está certo. Uma pena que ele não foi o escolhido de nenhum dos dois países para o Oscar. Obrigado pelo toque. Correção feita!

Bruno, é quase impossível não haver discordâncias com este tipo de lista. Gosto é muito subjetivo. Particularmente, achei Arraste-me Para o Inferno um filme excelente, que cumpriu o que se propôs (ser um 'terrir' de qualidade). Nem sempre um filme é feito para ser levado a sério... Só maneire nos adjetivos. "M..." soa agressivo demais, além de ser de mau gosto. Ninguém precisa concordar com a opinião alheia, mas é preciso respeitá-las, não é mesmo?! De qualquer forma, que bom que você gostou do restante da lista!

Obrigado pelos comentários!

Anônimo disse...

Em O Leitor, Michael não foi nem um pouco covarde, Ele, por amor, compreendeu o desejo de sua amada então não fez o que deveria ser feito. Respeitou o desejo dela, mesmo que fosse a maior idiotisse da sua vida.

Anônimo disse...

Só por colocar: ARRASTE-ME PARA O INFERNO já nem consideor essa lista.
O filme é simplesmente horrível, clichê.

Medicina disse...

Depois de ver o primeiro colocado,vi que a lista nao tem sentido. Avatar é um filme longo,chato e sem historia que abusou de publicidade para se promover.

Eros Silva disse...

Arrasta-me para o Inferno não é clichê, como disseram aí em cima. Ele é ruim mesmo.
Parece feito na década de 80, com pouco dinheiro, efeitos usados pelos Trapalhões, enredo da Xuxa e atores como Vera Fischer e Tarcisio Meira.

Fred Burle disse...

Uau! Nunca pensei que Arraste-me Para o Inferno fosse causar tanta discórdia!
Eu gosto do filme e ponto.

E Medicina, que bom que alguém não gostou do filme, senão ia começar a achar que James Cameron colocou alguma coisa na tela para persuadir o público! rsrs
O tempo dirá o valor da obra dele.

Abraços a todos!

Rodrigo Nogueira disse...

Aqui estou eu de novo!

Concordo: A Partida, Bastardos..., Anticristo, Star Trek, Dúvida, ...Milionário, o Lutador.

Não vi (mas ainda verei!) Há Tanto tempo..., Simonal, À Deriva, Pijama Listrado, Tokio, O Casamento..., Palavra..., À Procura de Eric, Deixe Ela Entrar (esse estou louco para ver!!)

Discordo: Avatar (belo e inovador, mas a história é fraca e infantil, decepcionante), Distrito 9 (chato), Arraste-me para o inferno (entendo que ele foi feito pra isso, mas é bobo demais!), O Leitor (é bom, mas não o classifico como um dos melhores)

Bem, é isso!!

Abç!

Fred Burle disse...

Rodrigo, repare que o único filme que você assistiu de língua não-inglesa foi A Partida. Corra para ver os outros!
Quanto aos discordantes, talvez você não tenha entendido as propostas... não sei. Vai entender o gosto da gente...

Abraço!

mari louren disse...

Fred só agora que vi essa lista preciosa.
Já assisti quase todos da lista inclusive os que ninguém assisti.
Um dos únicos que não assisti e não tenho a minima coragem é arraste-me para o inferno.
Não assistiria nem acompanhada quanto mais sozinha!
Medo.
E a fita branca é realmente muito forte mas a fotografia é encantadora do começo ao fim.

Fred Burle disse...

Mari, que bom que gostou da lista. Foi feita com muito cuidado. Quanto a "Arraste-me Para o Inferno", tem lá seus sustos, mas pode também ser considerado uma comédia.
Abraço!

Anônimo disse...

Lars von Trier é duuuuuuuuro de aguentar.

Postar um comentário

Concordou com o que leu? Não concordou?
Comente! Importante: comentários ofensivos ou com palavras de baixo calão serão devidamente excluídos; e comentários anônimos serão lidos, talvez publicados, mas dificilmente respondidos.

 
Linkbão Oi Torpedo Click Jogos Online Rastreamento Correios Mundo Oi oitorpedo.com.br mundo oi torpedos mundo oi.com.br oi.com.br torpedo-online Tv Online torrent Resultado Dupla Sena Resultado Loteria Federal Resultado Loteca Resultado Lotofacil Resultado Lotogol Resultado Lotomania Resultado Mega-sena Resultado Quina Resultado Timemania baixa-facil Link-facil Resultado Loterias