Linkbão Oi Torpedo Click Jogos Online Rastreamento Correios Mundo Oi oitorpedo.com.br mundo oi torpedos mundo oi.com.br oi.com.br torpedo-online Tv Online torrent Resultado Dupla Sena Resultado Loteria Federal Resultado Loteca Resultado Lotofacil Resultado Lotogol Resultado Lotomania Resultado Mega-sena Resultado Quina Resultado Timemania baixa-facil Link-facil Resultado Loterias

terça-feira, 16 de junho de 2009

Cinzas e Neve

A maioria das obras é feita para contar uma história, passar uma moral, levantar discussões ou imprimir opiniões.

Vez por outra, surge algo além disso. É o caso de Cinzas e Neve, realizado pelo artista canadense Gregory Colbert, para ser exibido em sua exposição itinerante Ashes and Snow, uma instalação composta de filmes e fotografias de enormes proporções, captados por ele durante 15 anos, em suas mais de 40 viagens a diversas regiões, como a Índia, a Namíbia, o Egito e a região de Bornéu, entre outros belos lugares.

Para viabilizar a exposição, o arquiteto colombiano Simon Vélez projetou o Museu Nômade, construído a partir de contêineres e outros materiais reciclados. O museu foi inaugurado em Nova Iorque, em 2005, já passou por diversos outros países, tendo sido vista por mais de 10 milhões de pessoas, tornando-se a exposição de um artista vivo mais vista de todos os tempos.

A exposição, composta de fotografias, um filme de longa-metragem e dois curtas-metragens “Haiku”, tem previsão de vinda ao Brasil ainda nesse ano, provavelmente com instalação em São Paulo.

Ashes and Snow – o Filme, foi montado por Pietro Scalia (vencedor de dois Oscar) e é narrado, na versão inglesa, por Laurence Fishburne.

O título refere-se às poesias recitadas no decorrer do documentário, extraídas do livro Ashes and Snow: A novel in letters, do próprio Colbert, que foi publicado no Brasil pela primeira vez em 2004, sob a tradução “Cinzas e Neve: romance epistolar”, um relato ficcional de um homem que, numa viagem de 365 dias, escreve diariamente uma carta à sua mulher. A narração revela, aos poucos, extratos dessas cartas.

O mais espetacular no filme é a sua fotografia, em tons de terra (sépia), com enquadramentos que proporcionam uma profundidade de campo incrível, geralmente sem movimentação de câmera e em ritmo lento, contemplando cada um dos movimentos dos bailarinos, que dançam em meio a elefantes, peixes, baleias, onças e outros animais. Homens e bichos entrelaçam-se, num belíssimo balé, que contempla a natureza em seu esplendor, proporcionando ao espectador uma experiência audiovisual única.

As imagens são deslumbrantes. Parecem saídas dos sonhos de Fellini. Acrescidas de uma trilha sonora quase meditativa, proporciona-nos uma viagem inesquecível.

Na cena final, um casal dança em meio aos peixes e seus corpos parecem esculturas de bronze.

O trecho recitado no final, poético como todos os outros, deixa bem clara a proposta do filme. Se havia em mim alguma dúvida quanto ao êxito do filme como cinema (alguns planos têm um quê de estética publicitária), essa dúvida esvaiu-se em meio à emoção causada pela reflexão e meditação exercidas durante o filme.

São 63 minutos nos quais esquecemos do mundo em que vivemos e somos transportados para um mundo muito mais bonito e pacífico. É para sair assistir e ficar de alma lavada.

As baleias não cantam porque têm uma resposta. Elas cantam porque têm uma canção”. Ashes and Snow é assim: não é feito para contar uma história. Sua beleza é calculada para provocar a contemplação.



Obviamente, eu não faria todo este discurso para deixar vocês só na vontade, já que o filme não foi lançado no Brasil. Então, seguem o torrent e a legenda. É assistir e preparar o bolso para ir à exposição, quando ela estiver no Brasil! Abaixo, um aperitivo, que também mostra algumas imagens da exposição.


Aperitivo

video

Cinzas e Neve

(Ashes and Snow, EUA, 63 minutos, 2005)

Gênero: Documentário

Direção: Gregory Colbert


Fontes: MakingOff e Wikipedia.

2 comentários:

altieres bruno machado junior disse...

Olá

Nossa realmente é uma bela obra cinematográfica. As imagens em tom de terra e em movimentos lentos deram um toque especial ao filme, me lembrei do filme 300. Pena que não moro em São Paulo para conferir a exposição.
ótimo post.

abraços e até mais...

Fred Burle disse...

Acho uma sacanagem essa megaconcentração dos eventos em São Paulo.
Quem não mora lá, dificilmente tem acesso a essas maravilhas.

Abraço e inté =)

Postar um comentário

Concordou com o que leu? Não concordou?
Comente! Importante: comentários ofensivos ou com palavras de baixo calão serão devidamente excluídos; e comentários anônimos serão lidos, talvez publicados, mas dificilmente respondidos.

 
Linkbão Oi Torpedo Click Jogos Online Rastreamento Correios Mundo Oi oitorpedo.com.br mundo oi torpedos mundo oi.com.br oi.com.br torpedo-online Tv Online torrent Resultado Dupla Sena Resultado Loteria Federal Resultado Loteca Resultado Lotofacil Resultado Lotogol Resultado Lotomania Resultado Mega-sena Resultado Quina Resultado Timemania baixa-facil Link-facil Resultado Loterias