Linkbão Oi Torpedo Click Jogos Online Rastreamento Correios Mundo Oi oitorpedo.com.br mundo oi torpedos mundo oi.com.br oi.com.br torpedo-online Tv Online torrent Resultado Dupla Sena Resultado Loteria Federal Resultado Loteca Resultado Lotofacil Resultado Lotogol Resultado Lotomania Resultado Mega-sena Resultado Quina Resultado Timemania baixa-facil Link-facil Resultado Loterias

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Crítica escrita: High School Musical - o Desafio

Ossos do ofício às vezes nos obrigam a fazer coisas que geralmente não faríamos. Por exemplo, no meu caso, nunca assistiria a High School Musical. De fato, nunca vi nenhum dos outros filmes da franquia, mas resolvi assistir a esta versão nacional e ver do que se trata e qual foi o resultado da primeira coprodução brasileira com os estúdios Disney.

A sinopse oficial inicia-se assim: “Fim das férias, o ano começou. É tempo de encontrar os velhos amigos e fazer novas amizades. Tempo de aprender e de se divertir.” De algo não se pode reclamar: a intenção e o público-alvo estão bem claros. Trata-se de um filme (?) infantil, com atores mais velhos que se fingem de novinhos, como um episódio de Chaves!

Exageros à parte, a história-mais-clichê-impossível trata de um concurso de música – dentre outrso concursos – que acontecerá na escola High School Brasil. Aí vem o desfile de tipos: um menino bonzinho que se apaixona pela menina boazinha, que não quer namorar, pois privilegia os estudos. Cada um tem os seus amigos-conselheiros. A vilã (uma espécie de Lisa Kudrow do sertão, mas a mais divertida do filme) é uma ambiciosa que fará de tudo para ganhar o concurso, tendo a ajuda do irmão bonzinho, que de tão bom coração e paixão pela música tentará ajudar o grupo oposto ao da irmã, mas sem que ela saiba.

Voltemos à (quase) realidade: o elenco de alunos da escola é todo composto pelos vencedores de um concurso televisionado no Brasil, em 2008. Inverossímil é o adjetivo mais adequado para classificá-los, já que, além de mais velhos do que deveriam ser para os papéis, têm atitudes tão infantis que mal condizem com a realidade dos jovens no Brasil. 
 
Além deles, alguns atores com mais – digamos – experiência fazem suas participações, como Tadeu Aguiar, Teresa Seiblitz, Ilana Kaplan e a mais perdida de todos: Wanessa Camargo.

Piadas à parte, é preciso admitir que High School Musical – o Desafio é uma produção muito bem cuidada tecnicamente, com bom som e imagem, coreografias bem ensaiadas e recursos fotográficos de superproduções, como gruas, zenitais, etc. Mas as logomarcas de patrocínio e o merchandising descarado de uma loja de departamento no meio do filme não nos deixam esquecer: este é um filme brasileiro.

Nem era preciso: algumas músicas foram adaptadas ao estilo nacional, como as batidas de Br'oz e Rouge, funk, samba reggae, sertanejo e até um pagodinho, dançado por uma menina vestida de nega-maluca, como se isso fosse comum no Brasil. É um filme feito por brasileiros, mas em vários momentos parece influenciado pelo “olhar estrangeiro” sobre o Brasil.

Se você não gosta de filmes em que pessoas vivem numa bolha encantada e saem por aí cantando repentinamente, corra dos cinemas. Recomendo-o para quem gosta de filmes da Xuxa, de Malhação ou Uma Escola Atrapalhada (aquele com a Angélica, lembra?).

Na verdade, HSM – o Desafio é um filme para crianças... e somente para elas.

Bollywood é aqui!

High School Musical – o Desafio
(idem, Brasil, 90 minutos, 2009)
Dir.: César Rodrigues
Com Wanessa Camargo, Tereza Seiblitz, Herbert Richers Jr, Olavo Cavalheiro, Paula Barbosa, Renata Ferreira
 
Nota 5,0


*estreia nesta sexta-feira (05/02)

10 comentários:

João V. Borges disse...

Se você não gosta de filmes em que pessoas vivem numa bolha encantada e saem por aí cantando repentinamente, corra dos cinemas. EURIALTO.

Mas eu vi o primeiro Hig School Musical e confesso que tenho a trilha sonora e vez ou outra me pego escutando. Ahahaha. Mas o filme é terrível.

Gosto muito das suas críticas, mas acho que em alguns momentos são meio superficiais, acho que por causa do público do blog né, não sei, enfim. Queria ler sua opinião sobre mais pontos dos fimes, ténicos, estéticos etc. To sempre acompanhando =)

Fred Burle disse...

João, eu é que quase tive um ataque de risos durante o filme, de tanta bobagem que é dita! Tem umas músicas com ritmo bom, mas as letras são sofríveis.
Quanto à superficialidade das críticas, varia muito de filme para filme. Tem longa que não inspira nada de aprofundado, então se eu tentar analisar sempre o lado técnico, ficaria repetitivo e às vezes, desnecessário. E é preciso analisar o filme pelo que ele se propõe. Então, se o filme não se propõe a ser artístico, fica difícil julgá-lo por este lado... Entende o que quero dizer?
Obrigado pelos elogios e por acompanhar!

I Win You Fail disse...

OMG! Onde tá meu balde pra vomitar?
Excuse me...

Fred Burle disse...

hahahaha!
José, não vomite! Apesar de ser brega ao extremo, não é pior coisa do mundo!

Anônimo disse...

Da pra ver que quem fez essa crítica é um leigo no assunto.
O cara nunca assistiu HSM e acha que pode opinar.
Por acaso vc sabe para que faixa etária o filme é? Vc quer o que? realidade? violência? e outras coisas que filmes brasileiros sempre apresentam...
ötimo filme e cumpriu bem com o que os fãs de HSM esperam.
Concordo que a história foi fraca, mas não deixa a desejar num contexto geral.

MV disse...

O filme é podre demais, só um trailer ja dá vontade de vomitar, é tão podre quanto malhação e todas essas porcarias, falta só o anonimo acima me explicar como ele posta algo no blog vivendo dentro de uma bolha,kkkkkkkk.EPISODIO DO CHAVES(EURIALTO)!

Anônimo disse...

Pô! Fred o anonimo te chamou de leigo,kkkk ainda disse que vc nunca assisitu e quer opinar sobre o grande longa HSM kkkk, eu me pergunto se quem escreveu foi ironico ou se realmente esse tipo de gente existe.kkkkkkkkkkkk kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!!!

Fred Burle disse...

Pois é! Depois eu é que sou louco! rsrs

Silas Ben-Hur disse...

Assisti aos dois primeiros filmes de High School Musical e percebi, de fato, porque meus amigos consideravam esses filmes tão infantis... O enredo é infantil, várias músicas são infantis, os personagens são infantis... aff! Ainda assim, consegui destacar 1 ou 2 músicas interessantes de cada filme.

Mas o pior: vi o filme brasileiro e, sinceramente, de fato, Fred, me perguntei: O QUE É ISSO? O que marcou mais foram as músicas: não MUITAS, mas TODAS eram infantis!!! Caramba...

Por isso achei sua crítica muito pertinente. Disse tudo! Parabéns pelo blog.

Fred Burle disse...

Silas, muito obrigado!

Abraço

Postar um comentário

Concordou com o que leu? Não concordou?
Comente! Importante: comentários ofensivos ou com palavras de baixo calão serão devidamente excluídos; e comentários anônimos serão lidos, talvez publicados, mas dificilmente respondidos.

 
Linkbão Oi Torpedo Click Jogos Online Rastreamento Correios Mundo Oi oitorpedo.com.br mundo oi torpedos mundo oi.com.br oi.com.br torpedo-online Tv Online torrent Resultado Dupla Sena Resultado Loteria Federal Resultado Loteca Resultado Lotofacil Resultado Lotogol Resultado Lotomania Resultado Mega-sena Resultado Quina Resultado Timemania baixa-facil Link-facil Resultado Loterias