Linkbão Oi Torpedo Click Jogos Online Rastreamento Correios Mundo Oi oitorpedo.com.br mundo oi torpedos mundo oi.com.br oi.com.br torpedo-online Tv Online torrent Resultado Dupla Sena Resultado Loteria Federal Resultado Loteca Resultado Lotofacil Resultado Lotogol Resultado Lotomania Resultado Mega-sena Resultado Quina Resultado Timemania baixa-facil Link-facil Resultado Loterias

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Crítica (filmada e escrita): INVICTUS



Pergunte à minha úlcera!”, responde um guardacostas de longa data do presidente sulafricano Nelson Mandela a um dos seus colegas novatos, que o questiona se o presidente tem o costume de dar trabalho, estando sempre perigosamente perto do povo. 
 
O fato é que Mandela tinha, desde que saiu da prisão – onde passou quase 28 anos de sua vida – a convicção de que descansar era perda de tempo (tornando-se um workaholic), que seu país precisava de um governante sempre presente e que o melhor caminho para o desenvolvimento era o perdão. Dessa forma, Madiba – como gostava de ser chamado pelos que o cercavam – deu ao mundo um tremendo “tapa de luva de pelica”, ao exigir que não fosse feito aos brancos o que foi feito com os negros na época do apartheid.

Mandela viu no campeonato mundial de rúgbi de 1995, uma oportunidade de acabar de vez com a divisão racial em que a África do Sul encontrava-se. “O esporte tem o poder (…) de unir as pessoas, de uma maneira que nada mais consegue”, proferiu ele. O time sulafricano, o Springboks, não eram considerados nem de longe para serem campeões, mas o presidente realizou um trabalho de apoio impressionante, com a ajuda do capitão da equipe, François Pienaar, levando o país às finais daquele campeonato.


O roteirista Anthony Peckham (Sherlock Holmes) baseou-se no livro Playing the Enemy, de John Carlin, para escrever a história, que parte do pressuposto de que todos já conhecemos a história de Nelson Mandela. Portanto, Invictus não é uma cinebiografia, mas um retrato de um acontecimento específico e marcante na história da África do Sul.

O diretor Clint Eastwood, depois de olhares sobre a história de outros países, como Japão (com Cartas de Iwo Jima) e EUA (Gran Torino), entrega mais uma obra impactante, filmada com o seu modo denso e cru de contar histórias. Como em seus outros filmes, ele conta com um elenco de atuações impecáveis, com grande destaque para Morgan Freeman, que captou brilhantemente o sotaque, as nuances, a serenidade e obstinação de uma das figuras mais marcantes da história mundial, Nelson Mandela.


Nos últimos vinte minutos do filme, somos convidados a assistir o jogo da final do campeonato, numa sequência de arrepiar até o último fio de cabelo. O cinema é transformado num imenso campo de rúgbi (preparem seus ouvidos) e apesar de ser um esporte de pouca identificação com os brasileiros, ficará difícil para os espectadores conterem a emoção. 
 
Sem precisar focar na biografia de Mandela, Invictus é o filme mais contundente sobre ele e sobre o que ele significa para seus país e para o mundo.

Crítica Filmada:
 



(idem, EUA, 133 minutos, 2009)
Dir.: Clint Eastwood
Com Morgan Freeman, Matt Damon
Nota 8,8

*estreia na sexta, dia 29/01 


4 comentários:

AK Lacerda disse...

Oi Fred! Eu assisti ao trailer e a primeira vista me pareceu um 'filmão' no sentido de agradar a gregos e troianos, desses que reunem a família num sofá.
Adorei suas palavras! Quero conferir!
Beijos!

I Win You Fail disse...

O filme parece ser bom... mas o mandela já ta ficando batido no cinema hein?

Amanda Aouad disse...

O filme é bem feito e emocionante. Clint Eastwood está cada vez melhor em sua direção e Morgan Freeman encarnou Mandela de uma forma impressionante.

P.S. Aparece. Só porque ficou chique no jornal brasiliense e nas críticas faladas sumiu? hehehe.

bjs

Fred Burle disse...

Oi, Anna! Não sei se vai agradar gregos e troianos, por ser "filme de esporte" e um esporte nada popular no Brasil. Os filmes do Clint são duros e nem sempre a galera gosta. Mas vai agradar à maioria, com certeza!

José, o Mandela já foi retratado várias vezes, mas não dessa maneira. É bem diferente dos outros filmes que o têm como tema.

Amanda, como já falamos agora há pouco (!), pode deixar que não sumirei. Estou sempre te lendo!

Abraços pra vocês!

Postar um comentário

Concordou com o que leu? Não concordou?
Comente! Importante: comentários ofensivos ou com palavras de baixo calão serão devidamente excluídos; e comentários anônimos serão lidos, talvez publicados, mas dificilmente respondidos.

 
Linkbão Oi Torpedo Click Jogos Online Rastreamento Correios Mundo Oi oitorpedo.com.br mundo oi torpedos mundo oi.com.br oi.com.br torpedo-online Tv Online torrent Resultado Dupla Sena Resultado Loteria Federal Resultado Loteca Resultado Lotofacil Resultado Lotogol Resultado Lotomania Resultado Mega-sena Resultado Quina Resultado Timemania baixa-facil Link-facil Resultado Loterias