Linkbão Oi Torpedo Click Jogos Online Rastreamento Correios Mundo Oi oitorpedo.com.br mundo oi torpedos mundo oi.com.br oi.com.br torpedo-online Tv Online torrent Resultado Dupla Sena Resultado Loteria Federal Resultado Loteca Resultado Lotofacil Resultado Lotogol Resultado Lotomania Resultado Mega-sena Resultado Quina Resultado Timemania baixa-facil Link-facil Resultado Loterias

quinta-feira, 15 de julho de 2010

Crítica: À Prova de Morte


Antes tarde do que nunca, meus amigos! Podem comemorar que finalmente (e desta vez é para valer) chega aos cinemas brasileiros a obra mais descompromissada de Quentin Tarantino, parte integrante do projeto Grindhouse, no qual o diretor uniu-se a Robert Rodriguez (Sin City) para formar um combo de filmes propositadamente tosco e ousado.

Planeta Terror, a outra parte, estreou no Brasil há quase dois anos, não foi muito bem de bilheteria, mas acabou virando um pequeno cult-trash. 

Lançadas separadamente e em versões ampliadas no Brasil, as obras me pareceram melhores como combo - mesmo porque os longas dialogam entre si, com personagens  que aparecem nas duas histórias e com seus diretores fazendo uma ponta, assim como o amigo e também diretor Eli Roth -, especialmente no caso do filme do Tarantino, que já é bom com 110 minutos, mas seria ainda mais dinâmico com a redução do tempo de algumas sequências, especialmente as sequências de longas e fúteis conversas de bar.

À Prova de Morte (Death Proof) é o nome do imponente e assustador carro do dublê Mike (Kurt Russell), pensado para cenas de acidentes, mas que Mike usa para outras finalidades. De passagem pelo Texas, ele tem sua atenção voltada para algumas garotas do local.

Utilizando de equipamentos bem menos tecnológicos e pouca luz artificial, Tarantino assume uma estética trash oitentista e imagens muitas vezes embaçadas ou propositadamente cheias de falhas, inclusive falhas de montagem, cortes bruscos que antecipam-se ao término da cena - chegando inclusive a cortar clímaxes, como a ótima dança sensual de Rose McGowan - erros grotescos de continuidade e oscilações de colorização.

Mas incrivelmente boa parte da graça do filme vem dessas “falhas” e é possível perceber o quanto a equipe deve ter se divertido e feito um trabalho sem compromissos de entregar algo perfeito imageticamente. Na verdade, este é o filme que Tarantino pode se mostrar um tremendo tirador de sarro, mais do que costumeiramente o faz em outros longas.

A história inicia-se morna, mas fica cada vez mais interessante, quando surge em cena Kurt Russell e quando entra nos últimos trinta minutos, eletrizantes e deliciosamente feministas, pela presença das vingativas Kim (Tracie Thoms), Abby (Rosario Dawson) e Zoe (Zoe Bell), esta última a melhor do filme – e olha que originalmente ela nem atua, pois é quase sempre dublê.

À Prova de Morte é um filme para poucos. É feito para aqueles que curtem um cinema descompromissado e que consigam entender a proposta do diretor, sem reclamar das falhas ou achar que foi realmente mal feito.

No fim, a empolgação pode ser tanta que ficará difícil se conter ao som de Chick Habit, interpretada por April March.

Doido demais!

Trailer:

(Death Proof, 114 minutos, EUA, 2007)
Dir.: Quentin Tarantino
Com Kurt Russell, Rose McGowan, Rosario Dawson, Zoe Bell
Nota 9,0

13 comentários:

Rodrigo Mendes disse...

Pois é...
depois de três anos, nem quero mais ver no cinema. Já baixei o filme legendado e assisti diversas vezes!

Primeira e única vez que me rendi a internet!

O filme é bacana, ótimos diálogos e muita ação (na hora certa)!

Adorei a idéia do projeto do Rodriguez e o Tarantino. DEATH PROOF é mais intelugente nas nuances do que PLANETA TERROR!

É muito legal ver a dublê da Uma Thurman em Kill Bill, Zoe Bell interpretando ela mesma, rs!

Abs,
Rodrigo

Natasha Rodriguez disse...

Fredinho... nem acreditei quando vi que o filme entraria em cartaz... surtei no cinema, kakakakaka... Apesar de já ter visto 2 vezes vou querer asistir de novo. Só me lembro dos seus comentários. Bjokas

Thiago disse...

Hey Fred, qual é seu record de filmes assistidos num só dia ?

Cristiano Contreiras disse...

Detestei o trailer, mas já providenciei o download do filme, vou ver e comento contigo!

Patrícia disse...

Velho, economizei cada centavo (pois to muito quebrada) pra curtir esse filme no cinema, estou vibrando até agora com ele! Simplesmente excitante! Cada cena, a trilha sonora, tudo. Hoje mesmo sonhei com a cena da dança, muito boa!

Matheus Pannebecker disse...

Eu gostei de "À Prova de Morte", mas longe de ser algo muito especial na carreira do Tarantino...

Grandes Filmes disse...

A sensação de ver este filme no cinema, na Mostra SP de 2007, foi incrível.
Saí do cinema maluco...

Jardel Nunes disse...

Infelizmente, fui mais um que se rendeu a internet em relação a esse filme. E depois de ver os dois filmes, me lembro de comentar com um amigo (companheiro de Topangablog) algo bem parecido com a sua impressão da idéia descompromissada dos filmes.

Como é bom ver um diretor não se levar muito a sério...

Abraços

Fred Burle disse...

Rodrigo, eu já tinha visto no cinema duas vezes, num festival em Brasília. Mas acabei me rendendo à internet, achando que o filme nunca iria estrear. Um desperdício.

Tashinha, nem eu lembro dos meus comentários! rsrs Bjo!

Thiago, não tenho certeza, mas acho que foram seis filmes num dia. Não é anormal, né?!

Cristiano, tem que entender a proposta e entrar na onda do filme, senão você não irá gostar mesmo... Já viu? Gostou?

Patrícia, a cena da dança é muito sensual! Nossa...

Matheus, acredito que seja um filme muito especial para ele, já que trata-se de uma vontade antiga realizada. Projeto muito pessoal... é difícil se destacar numa obra tão boa quanto a dele, mas eu gosto muito deste filme.

Grandes Filmes - também saí do cinema delirando. Tanto que resolvi ver de novo, durante o mesmo festival!

Jardel, a arte tem que ser descontraída de vez em quando, senão não vale a pena. E Rodriguez e Tarantino não têm medo de serem assim. Muito bom!

Abraços a todos, pessoal! E desculpem a demora para responder. Tem sido difícil conciliar tanto trabalho com vida pessoal e blog...

Jonathan disse...

Na boa o Quentin Tarantino deve ter pensado assim quando decidiu fazer esse filme ( Vou fazer uma merda e todos vão me adorar por fazer uma merda tão bem feita, uma merda que só eu vou ser capaz de fazer) AGORA vamos falar dos gêneros de Tarantino, o cara já fez um filme sobre ganguesters já fez uns filmes de arts marcias já fez um filme de guerra e agora ele manda ver no terror ele faz bem feito do jeito dele, esse filme só mostra que Tarantino veio pra revolucionar o cinema É O NOVO
STANLEY KUBRICK DE HOLLYWOOD. É OU NÃO É FRED?

Fred Burle disse...

Jonathan, não acho que Tarantino seja o novo Kubrick, até porque o que Kubrick prezava em seus filmes era a perfeição à base de cálculos quase matemáticos. O que não é o caso do Tarantino... Mas sinceramente? Prefiro o despojo do Tarantino.

Jonathan disse...

Uma pergunta Fred já que o Kubrick prezava tanto em aperfeição em seua filme á base de cálculos por que ele era tão críticado em seus filmes exemplo (o Iluminado e De Olhos Bem Fechados)eu vi algumas críticas sobre esses filmes e me aterrorizei os críticos pareciam que tinham ódio do cara. Eu siceramente adorei os dois filmes claro que o jack Nicholson puxou a carroça toda no Iluminado más em fim por que tanto ódio dos críticos em cima do Kubrick?

Fred Burle disse...

Jonathan, é difícil encontrar algum diretor que não tenha tido algum momento de receber muitas críticas negativas em sua carreira. O Iluminado é criticado, na maioria das vezes, por aqueles que não gostam do gênero. De qualquer forma, não me lembro de ser um filme apedrejado. Já De Olhos Bem Fechados, o problema é que o filme é ruim mesmo. Já não era mais o momento de gênio da carreira do Kubrick e, Além de frio, não tinha um bom roteiro.
Enfim, não vejo este ódio em cima dele. Vejo pessoas que o achavam antipático, no máximo.
Abraço

Postar um comentário

Concordou com o que leu? Não concordou?
Comente! Importante: comentários ofensivos ou com palavras de baixo calão serão devidamente excluídos; e comentários anônimos serão lidos, talvez publicados, mas dificilmente respondidos.

 
Linkbão Oi Torpedo Click Jogos Online Rastreamento Correios Mundo Oi oitorpedo.com.br mundo oi torpedos mundo oi.com.br oi.com.br torpedo-online Tv Online torrent Resultado Dupla Sena Resultado Loteria Federal Resultado Loteca Resultado Lotofacil Resultado Lotogol Resultado Lotomania Resultado Mega-sena Resultado Quina Resultado Timemania baixa-facil Link-facil Resultado Loterias